Rede TV! Rondônia Nas mídias socias agora é só curtir seguir e assitir!
#EuCurto RedetvRO
Cidades

Padrasto abusava de enteada de 11 anos com consentimento da mãe

De acordo com relatos da vítima, as agressões sexuais eram frequentes

A- A+

Publicado: 09/11/2018 às 15h42min

Ilustrativa

Um casal foi preso, em Samambaia, acusado de estuprar uma menina de apenas 11 anos. De acordo com as investigações da Polícia Civil do Distrito Federal, os abusos sexuais aconteciam na residência da família. Eram praticados pelo padastro, mas com o consentimento da mãe da criança, que vai responder como coautora.

Aos policiais, a mulher confessou que a filha era abusada sexualmente há pelo menos nove meses. O padrasto, segundo os policiais, obrigava a menina a praticar atos libidinosos, como sexo oral. A dupla foi presa na quinta-feira (8/11).

A mãe ainda é acusada de chantagear e agredir a filha. Durante o depoimento, a garota confirmou que a mulher tinha conhecimento dos abusos e que eles ocorriam com frequência. Com base em informações da PCDF, o homem já possui ocorrências registradas contra ele por crimes de violência sexual.

O caso é investigado pela 26ª Delegacia de Polícia, em Samambaia Norte. O envolvidos responderão por estupro de vulnerável e estão sujeitos a perder a guarda da menina. Se condenados, podem pegar entre 8 e 15 anos de cadeia.

De acordo com o delegado-chefe da 26ª DP, Eduardo Galvão, a denúncia chegou até os policiais por meio do Conselho Tutelar da cidade. Os professores da escola onde a garota estuda e os próprios vizinhos relataram o caso bárbaro aos conselheiros.

O homem confessou o crime em depoimento. Disse que os abusos começaram com “beijos e carícias” e evoluíram para relação sexual. O policial disse que a mulher tinha ciúmes da filha em relação ao companheiro e batia na garota por isso. A mãe da menina flagrou a situação duas vezes e, por isso, agrediu a criança.


Escreva um comentário