Rede TV! Rondônia Nas mídias socias agora é só curtir seguir e assitir!
#EuCurto RedetvRO

Marcelo Freire

opinião

Publicado: 04/12/2015 às 06h15min

A- A+

O futuro da carne ameaçado em Rondônia

A queda acelerada no preço da arroba do boi praticado em Rondônia tem preocupado os produtores rurais e tirando o sono de muita gente nos..

A queda acelerada no preço da arroba do boi praticado em Rondônia tem preocupado os produtores rurais e tirando o sono de muita gente nos últimos meses. Na última quarta-feira, os parlamentares resolveram sair em defesa da classe e usaram a tribuna para informar que os produtores do Estado estão amargando prejuízos com o valor atualmente praticado no mercado. O Diário já havia alertado em matéria publicada no início do semestre do eventual transtorno com a desvalorização do gado rondoniense.

O tema também ganhou atenção da Comissão de Agricultura da Assembleia Legislativa e foi amplamente debatida pelos integrantes do parlamento.

Em janeiro de 2015, por exemplo, a diferença no preço da arroba de gado entre Rondônia e São Paulo, era de apenas 6,99%. Agora em novembro fechou em a 17,45%.

Sem dúvida, Rondônia está amargando prejuízos com a queda no preço da arroba. Documento em poder do deputado Adelino Follador revela que em 2014 foram abatidas 2.174.772 cabeças. Se for levado em consideração a média de 14 arrobas por cabeça e uma diferença de R$ 15 por animal, chega-se a uma arrecadação de R$ 456.700.000,00 ou R$ 38 milhões mensais que os produtores deixam de receber.

Os deputados acreditam que os produtores tiveram uma perda aproximada de R$ 38 milhões, ou seja, um dinheiro que não circula no Estado e que vai parar no bolso dos frigoríficos, especialmente o JBS.

Os deputados mostraram ainda os números. Segundo a denúncia, JBS Friboi abateu 47,38% do total (1.030.514 cabeças), o Frigon 13,56% (295 mil), o Marfrig 245.049 (11,26%), o frigorífico Tangará 138.472 (6,36%) e o Minerva 132.436 cabeças, ou 6,08%. Os demais frigorificos totalizaram 196.480 cabeças ou 9% do total de abates.

O preço da arroba de boi em Rondônia está descontrolado e em queda livre e hoje chega próximo de R$ 121,00. Pela tabela que circulou na imprensa de Rondônia, no Pará o preço é de R$134,00; e no Mato Grosso R$ 132,00. Eles entendem que os estados que pagavam menos que Rondônia hoje pagam mais.

A convocação de representantes de frigoríficos para explicar o ministério da carne em Rondônia será importante para sanar dúvidas, mas é muito provável que eles não compareçam na reunião programada para acontecer no próximo dia 9 na Assembleia.

Edit- 04-12-15 copy


Escreva um comentário

Arquivos de opiniões