Rede TV! Rondônia Nas mídias socias agora é só curtir seguir e assitir!
#EuCurto RedetvRO
Política

MDB faz silêncio após ataques de Maurão contra Confúcio

Valdir Raupp e o partido não se pronunciaram até o momento

Por Redação
A- A+

Publicado: 08/03/2018 às 16h31min | Atualizado 08/03/2018 às 18h45min

O silêncio impera nos corredores do poder. Após a divulgação de uma gravação de conversa entre o Presidente da Assembleia Legislativa de Rondônia, Deputado Maurão de Carvalho (MDB) e o Deputado Jesuíno Boabaid (PMN), em que os parlamentares articulam a cassação do Governador Confúcio Moura (MDB), o partido do deputado Maurão de Carvalho ainda não se pronunciou sobre o caso.

Na última segunda-feira (05), uma gravação em formato de áudio foi divulgada pelas redes sociais. Na conversa de 11 minutos é possível acompanhar a trama orquestrada pelos dois parlamentares numa tentativa de desestabilizar o governo de Confúcio Moura, que está encerrando seu segundo mandato.

Um dos interlocutores da gravação é o deputado Maurão de Carvalho, presidente da Assembleia Legislativa do Estado e apoiado por Confúcio Moura para a corrida ao governo nas Eleições de outubro deste ano. Maurão também tem o apoio político do Senador Valdir Raupp, líder estadual do MDB.

Essa aliança política e amizade entre as três principais lideranças do partido (Raupp, Confúcio e Maurão) não foi suficiente para evitar ou minimizar os ataques revelados pela gravação. Na conversa, Maurão chega a criticar o governador Confúcio Moura, seu colega de partido. Em um trecho da conversa, Maurão teria chamado Confúcio de “banana”.

Nossa equipe procurou as lideranças regionais do partido MDB (Movimento Democrático Brasileiro) em Porto Velho, mas, ninguém quis comentar o assunto. A legenda nem mesmo divulgou uma nota sobre o escândalo. Escândalo que revelou uma briga interna dentro do partido liderado pelo senador Valdir Raupp.

Vale ressaltar ainda que, as três principais lideranças do partido, mesmo com desentendimentos e com sinais claros de conspiração de acordo com a gravação de conversa divulgada nas redes sociais, são pré-candidatos nas eleições gerais de outubro. O deputado Maurão de Carvalho, por exemplo, que teria chamado o governador de “banana”, é pré-candidato ao governo.

Resta-nos aguardar se o partido vai romper esse silêncio e mostrar seu posicionamento sobre essa crise institucional.

Veja em vídeo:

Deputados são gravados articulando cassação de Confúcio

OAB/RO divulga nota sobre gravações que envolve autoridades

 


Escreva um comentário