#EuCurto RedetvRO
Cidades

Defesa civil vistoria casas afetadas pela cheia do madeira

Algumas moradias estão interditadas desde a enchente histórica de 2014

A- A+

Publicado: 15/05/2018 às 16h10min | Atualizado 15/05/2018 às 16h18min

A Prefeitura de Porto Velho, por meio da Coordenadoria de Proteção e Defesa Civil, está realizando vistorias técnicas em residências de difícil acesso ao longo da Estrada do Belmont.

Durante dois dias, a equipe técnica esteve avaliando habitações impactadas pela cheia do rio Madeira, algumas delas interditadas desde 2014, quando foi registrada a maior enchente dos últimos anos.

O trabalho foi realizado pelo arquiteto Cristóvão Otero e pela engenheira civil Fernanda Renata, com apoio da bombeira civil voluntária Ana Paula Ferreira.

De acordo com Otero, somente este ano foram realizadas 22 vistorias técnicas. “Além das demandas do próprio Município, atendemos também solicitações judiciais, empresariais, pessoas físicas e de órgãos públicos estadual e federal”, declarou o arquiteto.

Para o coordenador da Defesa Civil Municipal, Marcelo Santos, essa demanda se deve, principalmente, pela credibilidade que a coordenadoria tem perante a sociedade.

“Nosso maior compromisso é com a segurança da população”, destacou. Marcelo esclareceu que essas vistorias são importantes porque, muitas vezes, servem para que o morador tenha direito a ser beneficiado por programas de habitação popular, ou até mesmo para decisões judicias, além de garantir a segurança das famílias.


Escreva um comentário