Rede TV! Rondônia Nas mídias socias agora é só curtir seguir e assitir!
#EuCurto RedetvRO

Felipe José

opinião

Publicado: 05/10/2017 às 08h14min | Atualizado 05/10/2017 às 08h18min

A- A+

Conveniência: Por que as pessoas só lembram o que interessa?

Não deixe o egoísmo prevalecer em sua vida

Que o brasileiro tem memória curta isso todo mundo sabe. Basta perguntar em quem ele votou nas eleições passadas, ou mesmo o que aconteceu antes de ontem em sua vida. De 100%, tenha a certeza e que apenas 30% te responderam com exatidão o que aconteceu de verdade ou lembrarão um fato importante ocorrido na política ou mesmo na economia. Mas, se esse fato ou situação for de importância e interesse pessoal, tenha a certeza de que ele não esquecerá e se for então uma dívida financeira, não se assuste, ele lembrará sem sombra de dúvidas.

Mas, por que agimos dessa forma com as pessoas? Por que só nos prendemos as coisas que nos são convenientes e não damos importância quando devemos um favor para as pessoas? A resposta é simples: Egoísmo. A maioria das pessoas, principalmente nos dias atuais têm se preocupado apenas com seus problemas, como se os dos outros não fossem importantes e não tivessem relevância. O problema disso é que acabamos sem querer nos afastando das pessoas, ou elas acabam se distanciando pela falta de compromisso e de consideração.

Isso não é uma situação isolada, repare que no trabalho os colegas de serviço são assim e os chefes mais ainda. Na maioria das vezes se esquecem que o que faz o trabalho ser positivo é exatamente a ajuda, ou seja, o trabalho em equipe, pois ninguém faz nada sozinho. Só que basta depender de um favor ou de uma ajuda, seja ela uma liberação de um dia para uma viagem, ou precisar chegar mais tarde, que raramente os chefes ou supervisores se lembram de tal pedido. Mas, basta você dever algo ou ter que fazer um favor para eles de interesse pessoal na empresa, que eles fazem questão de lembrar, mesmo estando atribulados e com o dia cheio de serviço.

Via de mão dupla

Lembre-se que interesses todos os seres humanos têm, sejam eles pequenos ou quase inalcançáveis. Mas, tenha a certeza de que quando furamos com as pessoas ou deixamos apenas o nosso interesse prevalecer, sem percebermos, acabamos quebrando as expectativas deles evidenciando o que há de pior no ser humano, o egoísmo e o individualismo. Sendo assim, lembre-se sempre que antes de pedir um favor, você poderá também ter que estender a mão para o outro. O mundo é uma “via de mão dupla”, e assim, se você quer ser ajudado, terá que ajudar também. Conveniência: Por que as pessoas só lembram o que interessa? Não deixe o egoísmo prevalecer em sua vida. Pense nisso e esteja sempre a disposição para também ajudar alguém.


Escreva um comentário

sobre Felipe José de Jesus

Sociólogo, Jornalista, Mestre em Comunicação Social: Jornalismo e Bacharelando em Direito. Como jornalista atuou em diversas editoras como: economia, política e também cultura em jornais impressos e portais. Passou também por assessorias de imprensa privada, prefeituras e em uma secretaria do Governo mineiro. Atualmente apoia o jornal Brasil Agora como editor. Com o mestrado deu aula na ESABI para a disciplina de Metodologia Científica e deu aulas particulares para alunos do curso de Psicologia da Faculdade de Estudos Administrativos de Minas Gerais (FEAD). Atualmente como Sociólogo prestou consultoria para uma ONG desempenhando o trabalho de pesquisas de campo: opinião pública: social e comportamento. Faz parte da Sociedade Brasileira de Sociologia (SBS) como afiliado e em 2016 prestou serviço de assessoria e planejamento de equipe para partidos políticos nas eleições municipais. Suas vivências acadêmicas passaram pela Faculdade Estácio de Sá (FESBH); Faculdade Polis das Artes (FPA); Universidad Europea Miguel de Cervantes (UEMC) e Universidade Uniesp.

Arquivos de opiniões